sábado, 5 de janeiro de 2008

"AOS MEUS AMIGOS"



Amizade sentimento belo mas ás vezes complexo
Amizades são como o amor mas sem sentimento de posse
Há amizades que duram uma vida, outras nem por isso
Às vezes a amizade magoa o coração do amigo
Pensamos que vai ser duradoura e de repente esvai-se em pó
Dói a alma sentimo-nos traídos, enganados
È como se o vento levasse parte de nós
Amizade também significa amor mas sentido de outra maneira
Ter amigos verdadeiros é uma dádiva é sermos mais ricos
Ter um ombro onde deitar a cabeça onde podemos chorar e desabafar
Na amizade também há brigas, há zangas, há desencontros
Mas é mais fácil fazer as pazes, desculpamos na hora
E tudo fica igual, ás vezes mesmo mais solidificada
Não podemos misturar amizade com amor
Mas ás vezes acontece apesar de eu pensar
Que a amizade é outra forma de amar mais nobre
Podemos amar os amigos mas com o amor da amizade
É um sentimento tão lindo como o amor mas mais saudável
Aos amigos não prometemos o mundo e não damos nada
Aos amigos damos o melhor de nós, dividimos o que temos
Aprendemos que ter amigos é ter alguém que não se esquece de nós
Que nas horas boas e más os verdadeiros estão lá
A apoiar-nos ou a enxugar as nossas lágrimas
A dar-nos o tal ombro amigo um abraço caloroso
A dar-nos o melhor de si sem pedir nada em troca
Só nos pedem que sejamos seus amigos até á eternidade
Eu orgulho-me dos amigos que tenho
Se falhei em alguma coisa peço desculpa
Errar é humano e como tal eu sou uma pobre pecadora
Mas tenho amigos maravilhosos que me aturam e me amam
Sei e sinto isso…Obrigada por serem meus amigos…
“BRASA”

Um comentário:

Lea disse...

E, os teus amigos na certa que te agradecem por seres quem és. Eu sei que agradeço.

Um beijo grande de saudade. de ti, do João e de Sesimbra!!!