terça-feira, 11 de março de 2008

"AMEI-TE"


Amei-te nas minhas noites sem fim, perdi-me na tua lembrança
Amei-te nas noites sem luar, imaginando o teu abraço terno
Amei-te nos meus sonhos adiados, nas minhas noites perdidas
Amei-te num amanhecer de trevas, desejei-te na minha cama nua
Amei-te nas minhas insónias de amor, sem te ter a meu lado
Amei-te num passado sem futuro, na solidão do meu quarto
Amei-te nos meus dias sem sol, no meu entardecer de ilusão
Amei-te loucamente em pensamentos sensuais, amei, amei…
Amei-te nos meus dias olhando o mar, via-te na espuma das ondas
Amei-te invejando a areia a ser beijada pelo mar, ternuras, beijos
Amei-te sabendo que podia nunca te ter, amei-te sem saberes
Amei-te desenhando nas nuvens que povoam o céu, a tua imagem
Amei-te nos meus lençóis frios, nas longas conversas que não tive
Amei-te sem te tocar, amei-te sem te falar, sem te possuir
Amei-te á chuva, misturando lágrimas de saudade
Amei-te, chorei, desesperei, perdi o meu rumo sem ti
Amei-te no passado, amo-te no presente, vou amar-te no futuro
Amei-te, amo-te, sou amada, vou contigo até ao fim
Amo-te e quero amar-te sem reservas, sem preconceitos
Amo-te e quero ser a deusa dos teus sonhos…
Amo-te hoje nos meus sonhos, acordo, estás a meu lado
Já não há noites frias, luar sem amor, amanhecer sem paixão
Acordo, estás colado a mim, a amar-me, como só tu sabes
Teu encostar é doce, as tuas mãos são ternas, o teu corpo queima
Teu amar é ousado, nosso amor partilhado, nossas bocas sedentas
Amamo-nos, sinto-te em mim, não quero mais nada…
Os meus sonhos tornaram-se realidade…Sou feliz
O meu amor sonhado é real…
Obrigada meu sonho…
“BRASA”

3 comentários:

O Profeta disse...

O Sol abandonou o céu
A Lua ironiza no celeste
Soltas perversas vontades
Cruzam a tua vida agreste


Convido-te a partilhar a minha visão da forma em
como a vida às vezes é perversa para algumas mulheres…


Doce beijo

osátiro disse...

Uma emocionante "definição" de amor...

Marta disse...

Gostei ;D

Blog muito bonito.